28 de outubro de 2008

Movimentos uniformemente variados: Viagem ao centro da Terra

Este vídeo mostra o que aconteceria se caíssemos por um buraco direitos ao centro da Terra. Esta é a versão cientificamente correcta, muito longe da versão de Júlio Verne que inspirou inúmeros filmes, inclusive o recentíssimo Viagem ao centro da Terra. Uma das vantagens que um bom domínio das ciências nos dá, é sermos capazes de distinguir o que é possível, ou impossível, no meio de tudo aquilo que temos possibilidade de ver ou ler. Em pleno século XXI e a todos os níveis, é cada vez mais verdadeira a frase: «Conhecimento é poder». O poder de entender o mundo à nossa volta, de fazer escolhas acertadas e de não cair em contos do vigário, por exemplo. Mais tarde ou mais cedo, a falta de conhecimento sai sempre caro.



Já agora, queres saber exactamente onde ficaria a saída do túnel que começasses a escavar, ou seja, os teus antípodas? Consulta a seguinte imagem (encontrada aqui). Nota: os antípodas estão a vermelho.
Pois é, sairíamos em pleno oceano mas, com alguma sorte, talvez conseguíssemos nadar até à ilha mais perto. Alguém sabe o nome desse oceano e dessa ilha?

Feed
Gostou? Assine o Feed ou receba os artigos por email

17 comentários:

André Estêvão disse...

Vi os videos. O 2º ate mostra bem o que nos temos tado a estudar.Como por exemplo a bola a cair, mas neste caso, é um homem a atravesar aa terra de um lado ao outro.Com o 1º video, ainda bem q me lembrou...tenho q ir ver esse filme sem falta.Já tenho tado para o ver á que tempos...:P

Tiago R disse...

Ya. O Estevão tem razão o 2º mostra melhor a matéria que estamos a dar. Mas O Julio Verne tinha muita imaginação.

Rui Barqueiro disse...

O 1º? O 2º? Este post só tem um. E o atravessar a Terra não foi feito com movimentos variados? Já agora, de que tipo?

André Estêvão disse...

tem 2 videos, mas 1 tem uma cruzinha. mas cliquei numa palavra "Viagem ao centro da terra" e foi parar a esse filme.
Sim, acho que tambem tem a ver com movimentos variados.Uniformemente acelerado até ao centro da terra e uniformemente retardado depois do centro da terra.

Rui Barqueiro disse...

ah! Já percebi. Eu uso o firefox e aí aparece tudo bem, mas no Internet Explorer surge a tal cruz. Ainda usam o IE? Ui! Recomendo vivamente o Firefox e depois de verem as suas extensões não querem outra coisa. No entanto, vou ver se resolvo o problema.

E Estêvão, a tua resposta na classificação dos movimentos não está correcta. Alguém sabe porquê? O vídeo diz.

Rui Barqueiro disse...

Problema resolvido, penso eu. Quando detectarem falhas digam-me sff.

André Estêvão disse...

Há uma parte no filme(menos de metade da terra, antes de chegar ao centro)que ele diz que está a ganhar velocidade mas a um ritmo menor.E depois de passar pelo nucleo da terra vai tendo uma velocidade cada vez menor...

** karolina ** disse...

se nos atravessarmos a terra dum lado ao outro, vamos parar a uma ilha da oceania?! :S

q cena muita loka !!!!!!!!!!!!!!!!!!

** karolina ** disse...

e o oceano pacifico onde nos saimos, né? =D

André Estêvão disse...

No oceano Indico perto da Austrália.Acho que é isso.

André Estêvão disse...

Enganei-me. Sairiamos no ocenao pacifico e ao pé de nova zelândia.

** karolina ** disse...

pois é .....

q cena mt fixe ...

podemos exprimentar isso nas aulas ?

Rui Barqueiro disse...

O Estêvão acertou: Oceano Pacífico, mesmo juntinho à Nova Zelândia.
Carolina, podemos fazer sim. É falar com a delegada e ela que arranje umas pás. ;)

** karolina ** disse...

correcção professor ... delegado

as pas n e problema ...
a sub delegada (melissa) arranja e aproveitamentos e ela começa logo a fazer o buraco...
xD

João Fernandes disse...

LOL!

Estêvão disse...

Estava a ver o que dava de especial na tv qd parei no canal História, que nem costumo ver muito, mas ate achei interessante parte do programa que vi pq falava da gravidade e coisas assim. Lembrei.me lg deste post.;)

Anónimo disse...

Eu so tenho a quarta classe... Nao sou nehum perito em fisica mas, penso que se um objeto estivesse em queda para o centro da terra, com o intuito de a atravessar,
uma vez que esse objeto chega-se ao centro ele ja mais sairia de la.
Uma vez que a terra esta em constante rotaçao, esse objecto seria "agarrado" pelo centro de gravidade e rotaçao fazendo com que de la ja nao sai-se.. Penso eu...
Nunca se dirigiria pra la do centro nem reduziria a sua velocidade na saida como é explicado neste video. Nao concordo.

Enviar um comentário

1) Identifique-se.
2) Seja respeitoso e cordial.
3) São bem-vindas críticas construtivas e correcções.
4) Leia primeiro os comentários anteriores.

Feed Assine o Feed ou receba os artigos por email.

Estão atentos a este blogue....